Tribuna Expresso

Perfil

Ténis

Roland Garros: Tsitsipas ainda deu luta, mas é Djokovic quem vai encontrar Nadal na final

Sérvio, líder do ranking mundial, precisou de cinco sets para bater o jovem grego e segue para a sua 5.ª final em Paris

Lusa

IAN LANGSDON/EPA

Partilhar

O sérvio Novak Djokovic, líder do ‘ranking’ mundial, qualificou-se esta sexta-feira pela quinta vez para a final do torneio de ténis de Roland Garros, marcando encontro com o espanhol Rafael Nadal, ao superar o grego Stefanos Tsitsipas, sexto.

Djokovic, que só venceu na terra batida de Paris em 2016 e cedeu perante Nadal nas finais de 2012 e 2014, bateu Tsitsipas em cinco ‘sets’, pelos parciais de 6-3, 6-2, 5-7, 4-6 e 6-1, num encontro que durou três horas e 54 minutos.

Na final, Djokovic procura o 18.º título do ‘Grand Slam’, na 27.ª final, enquanto Nadal, que afastou nas meias-finais o argentino Diego Schwartzman, tenta o 20.º, para igualar o recorde do suíço Roger Federer, e o 13.º em 13 finais em Paris.

Em 2012, o espanhol venceu o sérvio por 6-4, 6-3, 2-6 e 7-5 e, em 2014, ganhou novamente em quatro ‘sets’, desta vez pelos parciais de 3-6, 7-5, 6-2 e 6-4.