Tribuna Expresso

Perfil

Ténis

Subidas para os tenistas portugueses no ranking mundial

João Sousa está agora no 106.º lugar do ranking ATP, enquanto Frederico Silva subiu à 173.ª posição, o seu melhor registo

Lusa

GERRY PENNY

Partilhar

O tenista português João Sousa subiu hoje uma posição no ‘ranking’ ATP e ocupa agora o 106.º lugar na tabela mundial, liderada pelo sérvio Novak Djokovic, que regressa, esta semana, à competição no Masters 1.000 de Monte Carlo.

O vimaranense, número um nacional, ficou pela ronda inaugural no ATP 250 de Cagliari, ao perder diante o alemão Jan Lennard-Struff, em três ‘sets’, mas recuperou uma posição na classificação, mantendo-se como o melhor português entre a elite mundial.

Num ‘ranking’ hoje atualizado e que não apresenta alterações no ‘top 10’, mantendo-se o russo Daniil Medvedev e o espanhol Rafael Nadal no segundo e terceiro lugares, respetivamente, o lisboeta Pedro Sousa também subiu um degrau e figura no 112.º posto.

Já Frederico Silva, mesmo tendo optado por “treinar nestas últimas semanas nas Caldas da Rainha, descansar e recuperar de algumas mazelas acumuladas em piso rápido”, como contou à Lusa, recuperou o seu melhor registo no ‘ranking’ ATP, a 173.ª posição.

Enquanto João Domingues continua no 189.º posto, Gonçalo Oliveira, que disputou domingo as meias-finais no Oeiras Open, torneio de categoria 50 do ATP Challenger Tour, protagonizou a melhor evolução de um representante nacional no ‘top 300’ da hierarquia mundial, ao trepar oito degraus para se fixar no 288.º lugar.

No ‘top 10’ da hierarquia WTA, embora o pódio continue a ser dominado pela australiana Ashleigh Barty, a japonesa Naomi Osaka e a romena Simona Halep, hoje apenas se regista uma alteração, o regresso da checa Petra Kvitova à 10.ª posição por troca com a holandesa Kiki Bertens, que desceu ao 11.º lugar.