Tribuna Expresso

Perfil

PUBLICIDADE
Ténis

João Sousa eliminado na estreia no Estoril Open (e Nishikori desiste)

O tenista português foi eliminado por Cameron Norrie na primeira ronda do Estoril Open, torneio que também ficou sem uma das principais figuras, Kei Nishikori, por lesão

Tribuna Expresso e Lusa

Clive Brunskill/Getty

Partilhar

O tenista português João Sousa foi eliminado hoje pelo britânico Cameron Norrie na primeira ronda do Estoril Open, o torneio ATP 250 que decorre até 2 de maio no Clube de Ténis do Estoril.

O vimaranense, 103.º colocado no ‘ranking’ ATP, não foi capaz de se impor diante do adversário e seu parceiro de pares, número 50 na hierarquia mundial, e acabou afastado da prova de singulares em dois ‘sets’, pelos parciais de 6-1 e 6-3, ao cabo de uma hora e 25 minutos.

Uma vez eliminado o campeão português do Estoril Open de 2018, Cameron Norrie vai defrontar na segunda ronda o ‘qualifier’ espanhol Pedro Martinez (100.º ATP), que bateu na estreia o cazaque Alexander Bublik, por 6-3 e 6-0.

Nishikori desiste por lesão

O tenista japonês Kei Nishikori é a mais recente baixa, depois de ter contraído uma lesão, anunciou hoje a organização. O nipónico, número 41 no ‘ranking’ mundial e uma das principais figuras de cartaz do evento português, contraiu uma mazela na perna direita numa das sessões de treino e optou por não entrar em ‘court’, cedendo o lugar ao ‘lucky loser’ espanhol Roberto Carballes Baena, que havia perdido na última ronda do ‘qualifying’ diante do português Nuno Borges, entretanto apurado para a segunda jornada.

“Estou muito desiludido por desistir do Estoril Open. Cheguei cedo, tirei uns dias de folga e depois tive dois dias muito bons de treino. Ontem [segunda-feira], infelizmente coloquei mal o pé e lesionei o meu adutor direito. Estamos a fazer exames e não parece ser grave, mas infelizmente não estarei pronto para jogar nas próximas 48 horas”, contou o antigo número quatro mundial, numa declaração cedida pela organização.

Depois do argentino Diego Schwartzman, que seria o único ‘top 10’ mundial presente (é nono no ‘ranking), do espanhol Pablo Carreño-Busta, do búlgaro Grigor Dimitrov, dos franceses Gael Monfils e Benoît Paire e do italiano Fabio Fognigni, Kei Nishikori é o sétimo grande nome a desistir do Estoril Open, que conta agora com o canadiano Denis Shapovalov (14.º ATP) e o jovem Nuno Borges como principais figuras de um evento que decorre à porta fechada, devido à covid-19.

  • Temos de falar sobre a dor de João Sousa
    Ténis

    Ganhou três dos 11 jogos feitos em 2021. O ano passado, venceu um em 10. Mas, "se calhar", João Sousa "está melhor do que as pessoas pensam", diz quem o acompanha desde o início. A dias de regressar aos courts do Estoril Open (24 de abril a 2 de maio), o treinador Frederico Marques contou à Tribuna Expresso que vieram "alguns fantasmas à cabeça" devido à primeira lesão grave sofrida na carreira do tenista que "habituou as pessoas a jogar a um nível alto". E falou de dor