Tribuna Expresso

Perfil

Um Azar do Kralj

Um Azar do Kralj aconselha a que se dê um paninho com sangue de defesa central da Liga NOS a RDT para este desatar a assassinar

Depois de mais uma goleada do Benfica, agora frente ao Paços de Ferreira, Vasco Mendonça lamenta porque num país desenvolvido a elegância e autoridade com que destrói as esperanças dos seus adversários já teria dado origem a inúmeros versos de canções rap que rimassem com Florentino: hino, menino, desatino, coitadino

Vasco Mendonça, Um Azar do Kralj

Pedro Fiúza/NurPhoto/Getty

Partilhar

Ody

Se isto continuar assim, não vamos precisar de outro guarda-redes na Liga. Aliás, devíamos sortear a titularidade nesta posição entre os adeptos. Todas as semanas um felizardo terá a oportunidade de completar 90 minutos ao serviço do Benfica, bastando para isso permanecer equipado junto à sua baliza enquanto os outros 10 jogadores goleiam os adversários. Quanto a mim, cá estarei para aceitar as críticas motivadas pelo excesso de bazófia.

Nuno Tavares

Nem os colegas conseguiram disfarçar alguma perplexidade no momento de celebrar o golo da noite com Nuno Tavares. Talvez não esperassem ver mais uma estrela do futebol mundial nascer naquele momento, ou talvez não soubessem que o rapaz rematava tão bem (excepto Pizzi), ou, quem sabe, talvez tenham subestimado o poder da nossa formação. Se é verdade que a maioria de nós ficaria satisfeita em suceder a André Almeida na conquista do Prémio Puskas, Nuno Tavares não se ficou por aí e juntou-lhe mais duas assistências, uma a combinar por dentro, outra a cruzar na ala, como que dizendo "André quem?". Não foi Lage quem pediu competitividade no plantel? Nas palavras do utilizador de Instagram @joaofelix79, "Seixal não falha".

Ruben Dias

O nosso capitão corporiza a naturalidade com que entrámos nesta nova época. Ontem, já no oitavo copo de Ravasqueira Sauvignon Blanc, dei por mim a dizer que isto parecia a trigésima quinta jornada do campeonato, tal foi a simplicidade com que arrancámos para uma nova época, como se nada mudasse. Jogadores como Rúben Dias fazem um pairing muito bom com este branco alentejano, que só posso recomendar.

Ferro

Ontem, já no décimo segundo copo de Sauvignon Blanc, dei por mim a pensar na exibição do Ferro, e portanto é normal que tenha pouco para dizer sobre mais uma exibição seguríssima do nosso esteio defensivo.

Grimaldo

Passou o jogo a tirar notas e espera agora poder reproduzir aquilo que aprendeu com Nuno Tavares.

A máquina de fazer goleadas

Nem foi preciso sacar da exibição mais cintilante ou do futebol mais inventivo. Mesmo com uma entrada a meio-gás, o Benfica acabou a golear o Paços de Ferreira (5-0) na estreia no campeonato e já são 10 golos marcados em apenas dois jogos oficiais

Florentino

Num país desenvolvido, a elegância e autoridade com que destrói as esperanças dos seus adversários já teria dado origem a inúmeros versos de canções rap que rimassem com Florentino: hino, menino, desatino, coitadino, enfim, acho que percebem a ideia. Triste país este. Ontem foi mais do que já sabemos. Tino continua “in the zone”, a fazer vítimas com aquele magnetismo muito seu, que atrai a bola e o adversário como um mata insetos. É uma espécie de jogo dentro do jogo.

Samaris

Sabem aquela sensação de comprar umas Chevignon na Feira de Carcavelos e as calças serem tão boas que uma pessoa não percebia se eram verdadeiras ou simplesmente uma boa imitação cheia de sorte? Samaris não é e nunca será um Gabriel, mas não há-de ser por ele que aparecemos de calças na mão. Rumo ao 38, Andreas.

Bruno Lage: "Opção por Samaris? A malta fala muito..."

À BTV, o treinador do Benfica justificou a escolha de Samaris para substituir Gabriel e sublinhou a boa exibição dos encarnados, admitindo que o golo de Nuno Tavares acabou por desbloquear o jogo

Pizzi

Mais um sábado normal na vida do maestro. Não há adjetivos que permitam qualificar devidamente a banalidade em que se transformaram estas exibições de Pizzi. Não há nada de superlativo, mas nem por isso deixa de impressionar. Há uns dias descobri um canal de YouTube que consiste no dia a dia de um agricultor. Diz o próprio que já ganha mais com o YouTube do que com a dita agricultura. O Benfica devia considerar um canal de YouTube dedicado exclusivamente às ações de Pizzi, a esta banal sequência de ações que ganham jogos e títulos, no limiar do tédio e da euforia.

Rafa

O treinador do Paços de Ferreira deve agradecer a Rafa o feito de não ter sofrido mais golos do que o Sporting. Noite algo desinspirada do nosso mago, que em condições normais teria elevado a contagem para uns 8.

RDT

Têm que lhe dar um paninho com sangue de um defesa central da Liga NOS. Depois é só esperar que ele reconheça o cheiro e desate a assassinar.

Seferovic

Mais uma época, mais uma Bola de Prata. Só mais 33, Haris.

Chiquinho

Tem os pés de um craque, a inteligência de um mago, a velocidade de um artífice ofensivo, o futebol de que esta equipa precisa, e os pelos faciais de um rapper da Azambuja. Assim que tratar deste último ponto vai chegar ao topo do futebol mundial.

Vinicius

Juntou-se ao panteão de futebolistas que marcaram na sua estreia pelo Benfica, onde se encontram figuras como Sokota, Jankauskas, Franco Jara e Azar Karadas. Não tem outra opção senão continuar a marcar até igualar outros feitos.

Jota

Poucos minutos em campo, mas os suficientes para criar a última grande oportunidade do jogo e mostrar a Bruno Lage que está presente. Assim que pisou o relvado perguntou aos colegas “ainda vão comer isso?”, e lá foi devorando quaisquer restos de relva que sobrarem no prato. É assim mesmo, miúdo.

As previsões Zandinga da Tribuna Expresso para 2019/20

Saiba em quem aposta a redação da Tribuna Expresso e os cronistas Um Azar do Kralj (Vasco Mendonça), Lá em Casa Mando Eu (Catarina Pereira) e Diogo Faro para o pódio de 2019/20, assim como para as revelações da época